CLIMA DE VIAGEM

O quadro do coronavírus e a reabertura da Argentina

por Redação

Oferecimento

A grande diferença da pandemia da COVID-19 para a de H1N1, em 2009, é o impacto social no dia a dia de cidadãos de todas as partes do mundo. Em 2009, apesar da doença ser extremamente séria e letal, não houve uma paralisação quase integral como vemos hoje, e um dos principais setores afetados com o coronavírus é o de turismo. Agora que todos estão se acostumando com as mudanças desse período difícil, acreditamos que seja uma boa hora para começar a olhar para o futuro.

A indicação absoluta neste momento é a de ficar em casa. Porém, é possível projetar que destinos menos afetados sejam normalizados antes do que os epicentros, como o Estados Unidos. Nossos hermanos foram exemplares na contenção da doença e já vão iniciar o processo de reabertura gradual. Como a Argentina é um dos destinos mais amados pelos brasileiros, vamos esclarecer os principais pontos sobre a reabertura turística do país para te ajudar a programar a sua viagem pós-pandemia.

 

Quando começaram os casos na Argentina?

O primeiro caso na Argentina foi oficialmente no dia 3 de março de 2020. Entretanto, em muitos países, há indícios de que os casos começaram antes dos relatos oficiais, com pessoas assintomáticas ou que apresentaram apenas sintomas leves, como de uma gripe comum.

A Argentina foi o primeiro país da América Latina a decretar uma morte por causa de COVID-19 e também o primeiro a adotar o distanciamento social. As fronteiras foram fechadas no dia 27 de março.

 

Números do coronavírus na Argentina

O melhor meio para consultar os dados oficiais é no portal do Ministério da Saúde da Argentina. No fechamento desta matéria, no dia 11/05, os números estão em 6.034 casos confirmados e 305 mortes. Indicamos a checagem do site do Ministério da Saúde para dados atualizados. De uma forma geral, os números podem ser considerados baixos.

 

O que a Argentina fez para conter o avanço da doença?

A Argentina saiu rápido para conter o avanço da COVID-19 e decretou o lockdown no dia 20 de março de 2020. As ações do governo elevaram a confiança popular acima do receio de um colapso econômico. Dados oficiais do governo federal mostram que cerca de 90% da população respeitou a quarentena.

Em 24 de março, o governo implementou testes rápidos gratuitos, inicialmente oferecidos nas estações de metrô e trem no bairro Constitución, na região central de Buenos Aires.

 

LEIA MAIS

 

Fonte: Falando de Viagem

DESTINOS TURÍSTICOS NO BRASIL

FASES DA LUA

  • Minguante
    14/05
  • Nova
    22/05
  • Crescente
    30/04
  • Cheia
    07/05

ESTAÇÕES DO ANO

  • Outono
    20/03
  • Inverno
    20/06
  • Primavera
    22/09
  • Verão
    21/12